UFSC » Núcleo de Estudos de Economia Catarinense » Agronegócio responde por maior fatia de aporte em Santa Catarina
Site oficial

Agronegócio responde por maior fatia de aporte em Santa Catarina
EMail
Publicado em 22/07/2016 às 10:11

Apesar da retração do consumidor, que substituiu produtos caros por outros mais baratos, e do aumento dos preços do milho, que impactaram os custos de produção, o agronegócio segue investindo. No ano passado, o setor alimentar foi responsável pela maior fatia de aportes realizada pela indústria em Santa Catarina, de 38%, segundo levantamento da Fiesc.

Nesta semana, o diretor-executivo da Acav e do Sindicados da Indústrias de Carnes e Derivados, Ricardo Gouvêa, disse que as agroindústrias terão que investir para atender uma projeção de crescimento da demanda. O Ministério da Agricultura divulgou neste mês uma projeção de aumento da produção nos próximos dez anos de 31,3% em suínos e 34,6% em frangos.

Gôuvea avalia que o crescimento na produção de frangos em Santa Catarina será menor. Mas, em suínos, o avanço terá patamares maiores pelo diferencial sanitário, já que SC é o único Estado com certificado internacional de Zona Livre de Aftosa Sem Vacinação. Graças a esse certificado, Santa Catarina negocia a abertura do mercado da Coreia do Sul, que importa 400 mil toneladas de suínos por ano.

Clique aqui para acessar a notícia completa

  • Administradores do Site
  • 1960 - 2015 - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) | Central Telefônica - (48) 3721-9000 |
  • Última atualização do site foi em 29 de março 2017 - 17:02:05